Wednesday 19 December 2018
Home      All news      Contact us      English
portalangop - 14 days ago

Futuro do Saara Ocidental começa a ser discutido em Genebra

Rabat - As negociações entre Marrocos, Frente Polisário, Argélia e Mauritânia começam nesta quarta-feira na sede da ONU em Genebra com o objectivo de retomar os diálogos sobre o território do Saara Ocidental, paralisadas desde 2012., Apresentado pela ONU como um primeiro passo para um processo renovado de negocia es, a fim de alcan ar uma solu o justa, duradoura e mutuamente aceit vel que permita a autodetermina o do povo do Saara Ocidental , esta reuni o, sob a forma de uma mesa redonda , se anuncia dif cil porque todos os lados est o entrincheirados na sua posi o. O enviado da ONU, Horst K hler, convocou os participantes na esperan a de retomar as negocia es sobre o disputado territ rio do Saara Ocidental. As negocia es se encontram estagnadas desde 2012. Chegou o momento de iniciar um novo cap tulo no processo pol tico , ressalta a carta-convite enviada em Outubro por K hler, decidido a encontrar uma sa da para o ltimo territ rio do continente africano que carece de status p s-colonial. A Frente Polis rio, que em 1976 proclamou uma Rep blica A rabe Saarau Democr tica (RASD) sobre os 266.000 km2 desse territ rio des rtico, reivindica a organiza o de um referendo de autodetermina o previsto pelas Na es Unidas no mbito da solu o do conflito, que surgiu ap s a sa da dos colonos espanh is. O Marrocos controla, de facto, 80% do Saara Ocidental e trata essa regi o como as suas dez outras prov ncias. A rea conta com cerca de mil quil metros de litoral atl ntico de abundante pesca e um subsolo rico em fosfatos. Rabat rejeita qualquer solu o que n o seja a do territ rio administrado como uma autonomia sob a sua soberania, alegando a necessidade de manter a estabilidade regional. Entre 100 mil e 200 mil refugiados - segundo diversas fontes, na aus ncia de um censo oficial - vivem em campos perto da cidade argelina de Tinduf, 1.800 km ao sudoeste de Argel, perto da fronteira com Marrocos. Promovido pela ONU, o ltimo ciclo de negocia es remonta a Mar o de 2012 e levou a um estancamento. Ambas as partes se entrincheiraram nas suas posi es, com cont nuas diverg ncias sobre o status do territ rio e a composi o do eleitorado para o referendo de autodetermina o. Encarregado de tratar deste caso desde 2017, o ex-presidente alem o Horst K hler j se reuniu v rias vezes, em separado, com as diferentes partes relacionadas ao conflito. Os seus esfor os permitiram levar mesa Marrocos, a Frente, Arg lia e Maurit nia, ainda que nem todos estejam de acordo com o formato da reuni o. Argel diz que participar como pa s observador , enquanto Rabat considera o seu vizinho uma parte activa das discuss es. A reuni o se apresenta como o primeiro passo de um processo renovado de negocia es para uma solu o justa, duradoura e mutuamente aceit vel que permita a autodetermina o do povo do Saara Ocidental , segundo uma nota divulgada pela ONU. De acordo com esse comunicado, a ordem do dia bastante vaga, por m: situa o atual, integra o regional, pr ximas etapas do processo pol tico . A ideia n o colocar muita press o e expectativas nesta primeira sess o, considerada um aquecimento para quebrar o gelo , disse uma fonte diplom tica ligada s negocia es, lembrando das m s rela es entre Argel e Rabat. ,

Related news

Latest News
Hashtags:   

Futuro

 | 

Saara

 | 

Ocidental

 | 

começa

 | 

discutido

 | 

Genebra

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources