Wednesday 12 May 2021
Home      All news      Contact us      RSS      English
club-k.net - 23 days ago

CASA-CE repudia tentativa de violência contra líder do Conselho Nacional da Juventude

Luanda - O Colégio Presidencial da CASA-CE atento, preocupado e solidário com a luta diária dos jovens angolanos, visando a alteração da precária situação social e económica no país, vem perante a comunidade nacional e internacional, manifestar de forma veemente o seu total repúdio e condenação ao acto de violência física e psicológica perpetrado por agentes da Polícia Nacional contra jovens manifestantes, quando participavam com conhecimento das autoridades públicas, da manifestação pacífica, realizada neste sábado, 17, pelo Movimento dos Estudantes de Angola (MEA), contra o custo elevado dos emolumentos e serviços praticados nas universidades do país. Fonte: CASA-CE Nos mesmos termos e modos, o Colégio Presidencial da CASA-CE, comprometido com paz e a consolidação do Estado democrático e de direito, repudia e condena, igualmente, o acto de violência praticado por alguns jovens manifestantes, contra o jovem líder do Conselho Nacional da Juventude (CNJ), quando se prestava a participar da referida manifestação, em solidariedade aos jovens estudantes.   O Colégio Presidencial da CASA-CE entende, que todo e qualquer acto de violência praticado em sede do exercício de um direito de cidadania, no caso em concreto, de uma manifestação pacífica, deve merecer de todas as forças vivas do país o mais veemente repúdio e condenação, sob pena de se transformar a excepção à regra, e deste modo, mergulhar o país num estado de profunda anarquia institucional.   O Colégio Presidencial da CASA-CE salienta ainda, que não sendo a violência o caminho para se resolver os problemas da juventude, não podem os jovens, sobretudo manifestantes, que dia após dia denunciam e condenam actos de violência policial contra si, socorrerem-se da mesma prática para agredir quem quer que seja.   O Colégio Presidencial da CASA-CE lamenta o ocorrido e reafirma, peremptóriamente, que o único instrumento e caminho pacífico para se alcançar os objectivos dos jovens e dos angolanos em geral, é o diálogo patriótico, franco e aberto, que se deve instituir e perpetuar na relação entre os cidadãos e os servidores públicos.   O Colégio Presidencial da CASA-CE, aproveita o momento, para expressar a sua solidariedade aos jovens estudantes violentados por agentes da Polícia de Intervenção Rápida, bem como ao jovem Isaias Kalunga Presidente do Conselho Nacional da Juventude (CNJ), agredido por jovens manifestantes, e encoraja os jovens angolanos a não abdicarem da luta pacífica, patriótica e abnegada em prol da plena realização material e espiritual dos seus sonhos.   Finalmente, o Colégio Presidencial da CASA-CE interessado em promover o fim da violência contra cidadãos no exercício dos seus direitos, propôs ao Parlamento angolano, através do seu Grupo Parlamentar, um amplo e profundo debate sobre o exercício de cidadania num Estado democrático e direito, a ter lugar em breve, em sede da Assembleia Nacional, onde os angolanos por via dos seus representantes poderão debater de forma exaustiva sobre o fenómeno, no sentido de aproximarem ideias, que concorram para uma alteração positiva da realidade vigente no país, que se quer participativa, pacífica, tolerante e de maturado respeito à diferença.   O COLEGIO PRESIDENCIAL DA CASA-CE, EM LUANDA, AOS 18 DE ABRIL DE
2021 O PRESIDENTE
MANUEL FERNANDES  


Latest News
Hashtags:   

repudia

 | 

tentativa

 | 

violência

 | 

contra

 | 

líder

 | 

Conselho

 | 

Nacional

 | 

Juventude

 | 

Sources