Wednesday 12 May 2021
Home      All news      Contact us      RSS      English
club-k.net - 22 days ago

Espiões de aluguer : há cada vez mais agências de espionagem privadas

Lisboa - A indústria de agências de espionagem privadas multiplicou-se nos últimos anos, nomeadamente em Londres, disse o jornalista e escritor norte-americano Barry Meier, que escreveu sobre o tema no livro Spooked . Fonte: Lusa Londres é um importante centro de empresas de investigações, de espionagem privada. Começou a emergir como um centro para esta indústria na década de 1990 com a chegada de oligarcas do leste da Europa Oriental e da Rússia , contou, num evento organizado pela Associação de Jornalistas Estrangeiros. Porém, foi mais recentemente, em Nova Iorque, onde trabalhou para o New York Times, que se interessou pelo assunto, nomeadamente após a divulgação de um dossiê explosivo sobre o então Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, alegando cumplicidade com russos.
O autor foi Christopher Steele, o ex-espião do MI6, o serviço de informações britânico que atua no estrangeiro, e que esteve colocado em Moscovo no início dos anos 1990 e depois em França.
Meier recorda também as notícias de que o produtor de cinema Harvey Weinstein, acusado de assédio sexual, recorreu a uma destas empresas, a israelita Black Cube, para desenterrar sujidade sobre as suas acusadoras femininas .
Esta mesma empresa foi recentemente usada pela empresária angolana Isabel dos Santos para recolher informação para um processo judicial, no qual alega que o Presidente angolano João Lourenço conspirou para lhe apreender os bens.
Estes espiões de empresas, esses espiões de aluguer, que se movimentam nos bastidores, desempenhando vários papéis, seja investigando o passado das pessoas ou passando informação aos jornalistas para criar conflitos , afirmou Meier.
Segundo o jornalista, estas empresas estão a servir-se cada vez mais de novas tecnologias para recolher informação, criando perfis falsos de pessoas para credibilizar os seus agentes, estratégia que os serviços secretos nacionais também já usam.
A maior parte das informações que hoje são recolhidas pelas agências de informação dos governos é feita eletronicamente, é feita digitalmente, ao contrário de ser feita com fontes humanas. É mais seguro, é mais rápido e é mais fácil , afirmou.    


Latest News
Hashtags:   

Espiões

 | 

aluguer

 | 

agências

 | 

espionagem

 | 

privadas

 | 

Sources